terça-feira, 23 de fevereiro de 2010

Dia confuso!!




Oiiiii

Caramba como eu estou confusa, vou contar o q aconteceu, ontem quando eu cheguei do colégio eu entrei no meu orkut e vi q tinha um recado até ai td bem, quando eu vi de quem era o recado era do D um amigo meu ele escreveu q o J vive perguntando por mim e disse q ele pode esta gostando de mim, depois q eu li o recado eu sai e fui encontrar meus amigos incluindo o D e o J quando eu cheguei lá a E queria falar comigo, ai a gente foi conversar e falou q o J queria ficar comigo e perguntou se ele pedisse uma coisa mais séria eu aceitaria eu falei q pensaria é óbvio, depois a queria falar comigo e ai eu fui falar com ela pra saber o q ela queria, ela perguntou se eu gosto do D ou do J eu falei q uma época atrás eu estava gostando do D mas não estou mais e o J eu gosto dele como amigo e só, foi só isso q ela queria falar, mais tarde eu perguntei para o D q recado era aquele ele falou q foi o J q mandou pra mim, o estranho pra mim é q ele não fala comigo, na verdade fala mas só um OI e só, será q ele gosta de mim msm, não sei só vou descobrir se ele vim falar comigo.

E até agora eu estou com isso na minha cabeça, será q ele gosta msm de mim

desculpa pelo post grande

Tenha uma otima semana

Bjss

sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

DEPOIS DAQUELA VIAGEM



Oiiiii


DEPOIS DAQUELA VIAGEM
Valéria Piassa Polizzi

Valéria, uma jovem adolescente de apenas 16 anos vê o seu mundo desmoronar-se ao descobrir que é portadora do vírus HIV. Em plena década de oitenta, em que os tratamentos e a doença não eram muito desenvolvidos ainda, a brasileira depara-se com um problema do tamanho do seu desespero. Valéria foi contaminada durante a primeira relação sexual, com o primeiro namorado, que, como ela veio a descobrir, era usuário de drogas. Mas, longe de se deixar ir abaixo, Valéria decide erguer a cabeça e lutar pela sua vida, sem por de parte o problema que a afecta. Surge então uma descoberta de si mesma, dos prazeres da vida, de como é bom sorrir e ser feliz. Com uma linguagem juvenil e descontraída, a jovem fala dos problemas da adolescência, das dúvidas, dos medos e angustias, e da sua experiência como portadora do vírus mais mortal do planeta. Valéria conta como decidiu perder a virgindade com o namorado de 28 anos, tendo ela apenas 16, e como foi descobrir o nefasto resultado de uma relação desprotegida. Um livro com muito astral, tristeza, sorrisos, humor, mas principalmente com muita lição de vida!

Já li vários livros, e posso dizer que essa garota sabe viver mesmo com AIDS, quando eu peguei esse livro eu nunca achei que a história fosse tão emocionante, eu vi o quanto ela foi forte, enfrentou tudo sem medo, e hoje é mulher feliz mesmo com essa doença, realmente vale a pena ler.

Bjsss

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Adeus ao carnaval!!


Oiiiiiiii

Até q enfim acabou o Carnaval agora só ano q vem, por mim nunca deveriam ter inventado o Carnaval, mas fazer o q? nada

De volta as Aulas

Sabe o bom de voltar as aulas, reencontrar os amigos e conhecer os novos professores e hoje eu conheci a minha professora de Filosofia a F ela é MUITOOOO legal, super gente boa e o mais legal ainda é q ela é professora de Filosofia, uma das matérias q eu tenho q me dedicar mais pq cai em Psicologia e a faculdade q eu vou fazer, eu ja conheci a minha professora de Português a B de português q não é la nem cá, a Á de Sociologia ela até q é legalzinha,e a K de Biologia ela tbm é bem bacana, tem outros professores q eu ja conheci mas não estou afim de falar deles eu só queria falar desses aki pq são das matérias q caem em Psicologia.

Amigos

Não tem a história da H a minha amiga q desconfiou q eu era lésbica, então a gente resolveu esse assunto, agora o problema é outro eu descobrir q ela não quer falar comigo, e está me evitando, agora eu não sei pq é uma pergunta q ainda não foi respondida, e interessante q nunca brigamos ou nunca nos magoamos para querermos ficar sem falar uma com a outra, só depois q a H começou a namorar o B, não sou contra o namoro mas é chato saber q a minha amiga não quer falar comigo, espero resolver isso logo pq está me deixando muito triste.

Há dias q eu estou estranhando uma coisa, um amigo sempre q me olhava, eu achava diferente pq ele sempre me olhava de um jeito quando um cara gosta de uma garota, mas eu descobri q ele não ta afim de ninguém e hoje eu soube q ele olha desse jeito pra todo mundo esquisito né.

sábado, 6 de fevereiro de 2010

Fim de férias!!


Oiiiiiiiiii

Caramba eu tava com muitas saudades daki, fikei um tempinho fora pq não tinha ânimo pra nada, mas agora estou bem melhor, esses dias pra trás eu ainda estava triste com o q a minha amiga disse e por isso fikei um tempo sem falar pensando no que fazer ai eu entrei no blogger e vi q tinha dois comentários do ultimo post quando eu li eu percebi q eu não devia ficar chateada por causa disso, depois q eu li eu liguei pra minha amiga e falei pra ela q eu estava chateada ela ficou triste quando eu disse isso na hora eu não percebi mas quando eu toquei no assunto de novo ela falou pra eu esquecer, pelo menos ela percebeu q estava sendo sincera e q isso foi invenção da galera q a gente conhece, depois disso fikei bem melhor, até q enfim acabou as férias eu não estava aguentando mais, quando as férias estão bem legais não queremos q acabe mas quando estão um tédio a gente implora pra acabar logo pelo menos as minhas ja foram embora.

Nossa ontem eu tava assistindo um filme de suspense "Quando um estranho chama" assim eu não me assustei nem um pouco mas surgiu na minha mente uma lembrança q aconteceu a anos na hora eu fikei assustada com a lembrança q não é nem um pouco boa, não por causa do filme mas por causa do q aconteceu melhor não contar se não eu posso ficar lembrando e eu não gosto de ficar lembrando essas coisas q aconteceram na minha infância.

Sabe as vezes é chato encontrar as pessoas q não vamos um com a cara do outro, mas é muito legal chegar no colégio e encontrar todos os colegas pq amigos eu geralmente não tenho no colégio mas quando tenho tem q ser gente boa e q me entende e q não fique falando besteira, tbm é muito legal conhecer os professores pra ver quem é o CHATO q tds conhecem e detestam e o LEGAL q tds conhecem e amam ter como professor, eu quase sempre me irrito com os professores pq eles não acertam o meu nome, mas é assim msm escola é bom e ruim ao msm tempo sempre vamos lembrar daquela época de escola em que alguns estudavam e alguns bagunçavam e eles zombavam dos que ficavam estudando e não conversando como eles.

DESEJO A TODOS UMA OTIMA SEMANA

Bjs